Irritada e impaciente com a vida!

Irritada e impaciente com a vida!

–  Por que você tem se sentido tão irritada, intolerante e impaciente com a vida?

– Não sei… realmente vem uma tristeza profunda, um vazio e, em seguida, essa raiva não sei de que, não sei de quem, que termina se espalhando para tudo e todo mundo…

– Talvez, na pressa do dia a dia, engolida pelas cobranças da rotina e pela falta de presença, você tenha se perdido de si mesma, da sua essência e do seu propósito?

Sei que falando assim parece que precisa se tratar de algo muito grande ou importante, mas essência e propósito podem ser, na verdade, algo aparentemente muito simples.

E digo aparentemente porque nenhuma essência é simples. Pelo contrário, toda essência é profunda, requintada, imperdível. Todo propósito é indispensável, absolutamente necessário para que o mundo se realize de forma mais e mais autêntico.

Então, quanto mais você se afasta da sua essência, da sua intuição e da sabedoria do seu coração, mais se torna defendida, arisca, reativa, insatisfeita.

– Faz sentido. Faz muito sentido. A sensação é de que realmente tudo vai perdendo a cor, o brilho, a intensidade. E a vida vai se transformando numa sequência de deveres. E a gente vai vivendo no “piloto automático”, fazendo sem querer, sem saber para quê.

Como sair desse ciclo, dessa dinâmica sem consistência e que vai roubando nossa capacidade de reconhecer a felicidade que já está, que já é, que faz parte do plano de estarmos vivos?

– Penso que o segredo começa pelo encantamento! Encantar-se genuinamente.

– Mas como fazer isso na prática, no dia a dia?

– O encantamento só encontra lugar no presente. Portanto, para se encantar, para entrar em estado de encantamento, você só precisa refinar a percepção com um pouco mais de presença. Simples e insistente presença. 

Presença nada mais é do que atenção. Estar e ser de fato naquilo que se faz. Olhar e ver. Olhar e ouvir. Olhar e sentir. Aguçar os poros, conectar-se com o pulsar da vida.

– Você sugere algo prático, rápido e eficaz para sair do caos da mente, do apego ao passado ou da ansiedade pelo futuro? Algo para se conectar com o presente?

– Talvez um pouco mais de silêncio interior. Um pouco mais de respiração consciente. Talvez um mantra…

“Estou encantada pela vida. Encantada por mim, pelo outro e pelo que simplesmente é. E assim, encantada, posso seguir iluminando e sendo iluminada”.

E se quiser, um sorriso para completar. No mais, respire. Respiração consciente é sempre um ótimo e rápido caminho para o presente.

>> Conecte-se com a sua amorosidade e com o seu encantamento. Clique aqui e saiba mais! (http://vivaoamorquevocemerece.com.br)

No Comments

Post a Comment