3 segredos para lidar com a ansiedade de encontrar um grande amor?

3 segredos para lidar com a ansiedade de encontrar um grande amor?

Você quer muito encontrar alguém bacana e viver uma história de amor digna de ser contada em livro ou filme? Sei que falando assim parece até que você pode estar pedindo muito, mas acredite: não está!

Que ótimo que você deseja o melhor para si. Que bom que se sente merecedora de um grande amor. Desejar um relacionamento saudável, criativo e recíproco demonstra o quanto você está de bem consigo mesma.

Sim, porque veja bem: se você não estiver, ou seja, se sua autoestima estiver abalada, baixa ou destruída, o primeiro passo é cuidar dela! Não existe relacionamento saudável sem que você esteja de bem com quem você é!

Quem não se aceita, quem está sempre se criticando e desejando ser diferente do que é, vive com medo de não ser amada e de não ser aceita. Está o tempo todo alimentando pensamentos sobre ser abandonada, traída, trocada ou não gostada.

E pensamentos geram emoções que geram comportamentos. Portanto, quem tem baixa autoestima se comporta como quem tem baixa autoestima: de um jeito ansioso, negativo, tenso, triste, sensível ou reativo demais ou, ao contrário, de um jeito aparentemente indiferente, racional demais e, provavelmente, até arrogante.

De todo modo, a ansiedade é sempre um componente presente na vida de quem deseja muito encontrar e viver um grande amor, mas que, bem lá no fundo, não se sente merecedora, não reconhece em si qualidades e potencial para ser o grande amor de alguém.

Se você se sente assim, especialmente quando conhece alguém, sempre temendo que não vai dar certo de novo, que o outro vai se desinteressar a qualquer momento, calma! Respira, relaxa o corpo e preste atenção nesses três segredos infalíveis para parar de sofrer tanto.

1- VIVA UM DIA DE CADA VEZ, AQUI E AGORA, ESTE MOMENTO!

Ansiedade, numa linguagem bem simples e resumida, é um sentimento que aflora toda vez que você vive pensando demais no futuro. Futuro é um tempo que não existe de fato, porque está sempre “por vir”. E, pior, é um tempo impossível de prever, já que ainda não inventaram bola de cristal. Por isso, é uma ilusão e um grande desperdício de energia e paz viver com medo de algo que até pode vir a acontecer, mas que na maioria das vezes não acontece ou acontece de tanto que você age focada nesse “desastre” do qual você está morrendo de medo. Todas as melhores pesquisas sobre felicidade apontam para o momento presente, aqui e agora. Viver um dia de cada vez é o grande segredo da construção de qualquer relacionamento que realmente valha a pena. Pare de tentar fazer dar certo “para sempre”. Você só precisa dar o seu melhor hoje, agora. E se algo acontecer fora do previsto, apenas espere. Amanhã é um novo dia. E você poderá tentar de novo. Dê tempo ao tempo. A sua resposta vem de dentro. Da sua essência e não da sua tormenta.

2- TORNE-SE UMA PESSOA APAIXONÁVEL!

Você prefere conhecer alguém feliz ou infeliz? Alguém que tem assuntos positivos e agradáveis ou alguém que só reclama e se lamenta da vida que leva? Você se apaixonaria mais facilmente por alguém que se gosta, que se diverte e tem uma vida interessante ou por alguém que não sai de casa para nada e tem uma vida bem sem graça e morna? Pois então! Você sabe como é uma pessoa apaixonável! É uma pessoa feliz, que sai com os amigos, dá risada, tem preferências, hobbies e propósito. Invista nisso! Descubra algo que te encanta. No começo, pode parecer difícil e realmente o primeiro passo é o mais difícil. Mas tente. Saia para caminhar, olhe o mundo ao seu redor. Observe as pessoas, as árvores, as flores. Foque no que o mundo tem de bom a oferecer. Permita-se ser surpreendida. Um passo de cada vez. Um dia de cada vez. E quando menos esperar, vai descobrir que tem alguém olhando para a pessoa encantadora que você se tornou.

3- “DEUS NÃO DEMORA. ELE CAPRICHA!”

Ouvi essa frase certa vez em minha vida e ela fez muito sentido pra mim. Eu também passei longos anos desejando viver um grande amor. Cheguei até a pensar que talvez não acontecesse. Mas quer saber? Num determinado momento, resolvi ter uma séria conversa com o Universo (ou Deus, se você preferir). Acredito que existe uma inteligência superior, para além da minha compreensão, e que faz o mundo girar e acontecer. Confio nessa inteligência e então pensei: “o que custa deixar bem claro o que quero?”. E eis que avisei:

“Olha só, tenho trabalhado muito para me tornar uma mulher bacana, honesta, parceira, bonita, inteligente e interessante. E considerando que estou pedindo apenas uma pessoa, um único homem dentre os mais de 3 bilhões que existem no Planeta, estou segura de que não estou desejando nada de absurdo. Portanto, Sr. Universo, vou viver a minha vida, me divertir, fazer a minha parte e ser feliz. Trate de fazer a sua. Ajeite o que tiver de ajeitar e lembre-se de que estou esperando o grande amor que eu mereço!”.

Para mim, demorou 1 ano e 7 meses. Alias, conheci meu grande amor 1 ano e 3 meses depois dessa conversa que também pode ser entendida como “comigo mesma”, com “minha sabedoria interior”. E depois de 4 meses, por mais improvável que parecesse, ele me ligou e me convidou para jantar. Desde essa noite, já se passaram quase nove anos e ainda sou grata, todos os dias, pela minha coragem de pedir e pela minha determinação em fazer a minha parte, um dia de cada vez.

Enfim, nem eu e nem você somos perfeitos. Mas quando você realmente acredita que merece encontrar alguém bacana e vive como uma pessoa bacana, é uma questão de focar não no grande encontro, mas neste momento e em como fazer a sua própria vida valer a pena. O resto é consequência! E eu desejo muitas consequências maravilhosas para você!

>> VIVA O AMOR QUE VOCÊ MERECE! Clique aqui e saiba mais! (http://vivaoamorquevocemerece.com.br/viver-pleno/)

No Comments

Post a Comment